Educação
Infantil
Para o Colégio Divino Salvador, a Educação Infantil é o espaço para promover a aprendizagem a partir das potencialidades de cada criança, do 1º ao 5º ano de vida. O Divino prima pelo aprendizado e interação, fundamentados nos valores cristãos e na parceria família e escola, para assim, favorecer o desenvolvimento pleno dos aspectos físico, cognitivo, emocional, social e espiritual.
 
 
Ensino
Fundamental
O Ensino Fundamental reúne duas importantes fases do desenvolvimento. Na primeira fase (1º ao 5º ano) os alunos são preparados para as constantes mudanças da realidade. A formação escolar motiva a criança para o diálogo, incentivando nela o desejo de pesquisar.

Já os anos finais do Ensino Fundamental (6º ao 9º ano) favorecem a utilização dos conhecimentos já adquiridos, em novas condições e contextos. A partir dessa etapa, ele não apenas conhece a realidade, mas atua sobre ela, intervindo sobre o ambiente de forma física e mental.
 
 
Ensino
Médio
Visando consolidar uma formação rica em princípios éticos e sólida nos conteúdos, o Colégio Divino Salvador capacita os alunos do Ensino Médio para a continuidade dos estudos em instituições de nível superior. Utilizando o conhecimento adquirido para analisar e intervir na realidade ao seu redor, os alunos podem ter uma participação social e competente com os princípios cristãos e democráticos.
 
 
 
 
 
 
  • Princípios de Convivência
  • Perfil do Nosso Aluno
  • Aluno Representante de Classe
  • Papel dos Pais como Parceiros
Princípios de Convivência

CLIQUE AQUI PARA BAIXAR O DOCUMENTO: PRINCÍPIOS DE CONVIVÊNCIA 2021

Perfil do Nosso Aluno

Nossa Proposta Pedagógica é clara em seu posicionamento em relação a que tipo de pessoa humana queremos formar: pessoas conscientes de seus direitos e deveres pessoais, políticos e culturais; pessoas compromissadas eticamente com o bem comum e com a sustentabilidade do meio ambiente; pessoas que saibam intervir na sociedade para torná-la melhor; pessoas que respeitem as diversidades humanas e culturais. Além desse caráter formativo tão desejado, a seguir, caracterizamos um perfil mais específico do nosso aluno ao término de cada etapa escolar:

 EDUCAÇÃO INFANTIL

• Ser autônomo na execução de suas necessidades básicas;
• Expressar-se de maneira espontânea, lógica, criativa e crítica;
• Interpretar símbolos e imagens; reconhecer e diferenciar números e letras;
• Apresentar coordenação motora fina e esquema corporal desenvolvidos;
• Ter noção de grandeza, quantidade e espaço;
• Vivenciar e respeitar as regras sociais, sendo capaz de enfrentar os desafios e resolver os conflitos da convivência.

ENSINO FUNDAMENTAL I (do 1º ao 5º ano)

• Saber ler e interpretar textos de gêneros diversos;
• Ser capaz de produzir textos com estrutura linguística, coerência e coesão;
• Apresentar expressão oral clara e concisa;
• Saber contextualizar a matemática com o cotidiano, envolvendo o conhecimento das quatro operações fundamentais;
• Ter autonomia para organização de materiais e rotina de estudos;
• Ter consciência de seus direitos e deveres como filho, aluno e amigo;
• Ser capaz de vivenciar, no seu cotidiano, valores sociomorais trabalhados na escola.

ENSINO FUNDAMENTAL II (do 6º ao 9º ano)

• Saber ler e interpretar textos poéticos, narrativos, descritivos, científicos, informativos e técnicos;
• Ser capaz de redigir textos diversos com coesão e coerência, utilizando-se da norma culta;
• Expressar-se oralmente e por escrito, respeitando a concordância e regência nominal e verbal;
• Conhecer e utilizar os conhecimentos matemáticos como meio de percepção e entendimento da realidade;
• Saber acessar, selecionar e reavaliar os conhecimentos adquiridos, aplicando-os no “ser” e “fazer” cotidianos;
• Ter consciência de seus direitos e deveres como cidadão, zelando pelo bem comum.

ENSINO MÉDIO

• Apresentar conhecimento amplo e sistematizado dos conteúdos do Ensino Médio, capacitando-se para os exames vestibulares e ENEM;
• Apresentar habilidades e conhecimentos para dar continuidade de sua formação em Nível Superior;
• Apresentar postura crítica e aberta frente aos valores de uma sociedade globalizada e pluralista;
• Ter consciência dos seus direitos e deveres para poder agir eticamente na sociedade.

Aluno Representante de Classe

Quem é: aluno escolhido/eleito pela sua classe para representá-la; processo conduzido sob a orientação do professor regente da classe.

Seu papel: ser elo entre a classe e a escola (colegas, professores, coordenação, direção) para expressar, com responsabilidade, os anseios, as iniciativas e reivindicações da sua turma e zelar para que haja maior unidade e harmonia na busca de soluções mediante eventuais conflitos.

Perfil do representante de classe:

• Tem um diálogo ético e eficaz;
• Sabe escutar e respeitar a opinião do outro;
• Tem comportamento adequado aos valores da escola;
• É responsável, organizado e comprometido com as atividades escolares propostas;
• Tem liderança e estimula a integração e o bem-estar coletivo.

Suas funções:

• Estimular a interação entre todos os alunos da classe;
• Identificar e comunicar à Coordenação/Professores/SOE as necessidades da turma;
• Participar das reuniões de Representantes de Classe, marcadas pela coordenação/SOE;
• Divulgar aos colegas as informações repassadas pela Coordenação/Professores/SOE;
• Estimular os colegas a conhecer e a cumprir as normas estabelecidas pelos Princípios de Convivência.

Observação: O Representante de Classe que não corresponder ao perfil, poderá ser substituído por outro, em qualquer época do ano, por meio de uma nova eleição.

Papel dos Pais como Parceiros

Os pais são muito bem-vindos em nossa escola. Compartilhamos com eles nossas alegrias e nossas preocupações em relação à educação dos seus filhos. Entendemos que a parceria – família x escola – pautada na transparência e na confiança mútua exerce papel preponderante na formação e no desempenho escolar da criança e do jovem.

• Compromisso com o acompanhamento da frequência, da agenda e do aprendizado dos filhos: tarefas, pesquisas, deveres, estudo diário;
• Participação nas reuniões e nos acontecimentos escolares;
• Incentivo ao estudo, à leitura e às atividades culturais;
• Envolvimento, presença, diálogo, orientação na superação das dificuldades, respeito, controle, cobrança, reconhecimento e valorização de resultados alcançados;
• Ser exemplo e segurança para os filhos;
• Preocupação em compartilhar com os filhos os valores de cidadania, respeito, companheirismo, solidariedade, autodisciplina, autonomia, responsabilidade;
• Proximidade, respeito e apoio aos coordenadores, professores e funcionários;
• Conhecimento e atenção à aplicabilidade da Proposta Pedagógica;
• Programação e interação responsáveis entre a vida escolar e a vida social/lazer dos filhos;
• Observação a mudanças de comportamento, investigando as possíveis causas;
• Atenção às companhias dos filhos.

O Colégio Divino Salvador se orgulha dessa parceria e enfatiza o quão imprescindível é a presença dos pais nas reuniões e, quando necessário for, no agendamento para conversas com a coordenação, com o professor regente, com o SOE (Serviço de Orientação Educacional), com os demais professores e com a direção.

Agradecemos a valiosa participação e colaboração dos pais na elaboração deste item da nossa Proposta Pedagógica.